transplante-de-arvores:-cuidados-antes,-durante-e-depois

Transplante de árvores: cuidados antes, durante e depois

Às vezes é preciso trocar uma árvore de lugar, seja em função de uma obra ou outro projeto – assim como ocorreu na websérie Jardim das Ideias – 50 dias de verde. A técnica de transplante permite remover as árvores e replantá-las em outro local, evitando o corte do tronco. Para fazer isso são necessários alguns cuidados anteriores ao plantio, bem como durante e depois. Confira:
Preparação anterior:
– Preparar 20-30 dias antes as covas (marcando a posição geográfica norte) com a qual irá receber a árvore transplantada (cova com o dobro do tamanho do torra estimado da árvore), adubação rica em matéria orgânica e juntamente com fosfato;
– Um dia antes do transplante, deverá ser irrigada bastante a cova que receberá a árvore, até formar um barro na mesma, procedimento que deve ser repedido no dia do transplante.
O transplante:
– Marcar no tronco com auxilio de GPS ou Bússola a indicação da posição geográfica Norte;
– Manter o torrão na forma de cone, variando do porte da árvore que está se transplantando e espécie em questão;
– Retirar a árvore com auxilio de equipamentos que suportem o peso, bem como verificar se não existe mais nenhuma raiz prendendo a mesma no solo;
– Antes da retirada total do buraco, colocar lona, sacos de aniagem ou semelhantes, pra conservação do torrão;
– Colocar a árvore na cova, respeitando a posição geográfica no local;
-Cobrir com terra a cova, já com árvore e fixar as mesmas com cordas ou cintas em três pontos pelo menos.
Após o transplante:
– Regar de maneira abundante ao final da fixação da árvore;
– Nos primeiros 45 dias, devem ser realizadas regas abundantes alternadas (um dia sim/um dia não);
– Retirar a fixação depois de 60 dias.
Árvores grandes
A realização de transplantes de árvores mais grandes sempre envolve dificuldades e normalmente é realizada por uma equipe, na qual tenha de preferência um responsável técnico para isso. Os passos costumam ser os mesmos já mencionados, apenas alterando a escolha dos equipamentos para a remoção da árvore – como guindastes, por exemplo.