Pernambucanas entra no mercado de telefonia com chip e planos a partir de R$ 25

Seguindo a atriz Larissa Manoela, igrejas e até mesmo times de futebol, a Pernambucanas anunciaram nesta semana a sua entrada no mercado de telefonia móvel. A varejista deve oferecer um chip próprio, que será vendido nas lojas por R$ 40 e deve oferecer ao consumidor o mesmo valor em recarga.

De acordo com a empresa, o Pernambucanas Chip possui cobertura 4G em todo o Brasil, planos com ligações ilimitadas, WhatsApp ilimitado, bônus em portabilidade e não há fidelidade ou multas.

O chip estará disponível em todas as 400 lojas da companhia, mas não há planos pós-pago. Todos são na modalidade pré, sendo que as recargas podem ser feitas pelo site da rede ou em alguma loja. A cada recarga realizada, o cliente ganha 1 GB de internet e a varejista garante que não há corte de internet, apenas redução na velocidade.

A Pernambucanas ainda explicou em seu comunicado que deve utilizar o modelo MVNO (Mobile Virtual Network Operator) para atuar no mercado de telefonia. Ou seja, a empresa é uma operadora virtual que utiliza os serviços da Surf Telecom, que oferece conexão 4G com base na rede móvel da TIM.

Comentando o lançamento do novo serviço, Sergio Borriello, CEO da Pernambucanas, disse:

Somos uma empresa de relacionamento e o cliente está sempre no centro de nossas inovações. Nosso compromisso é oferecer a ele, em um só local, uma ampla variedade de produtos e serviços que se conectem ao que ele precisa e deseja. O Chip Pernambucanas trará, não só diversas vantagens, como também a segurança de uma marca que ele confia.

Continuar lendo >>