mercado-imobiliario-estima-grande-aumento-em-vendas

Mercado imobiliário estima grande aumento em vendas

aluguel de imóvel

A aquisição da casa própria é um desejo de muitas famílias no Brasil. De acordo com uma pesquisa da Datastore, o índice de intenção de imóveis no país chega a 29%, abrangendo os segmentos popular, médio padrão e alto luxo. Os dados obtidos pelo estudo apontam que mais de 14,5 milhões de famílias têm intenção de adquirir um imovel nos próximos 24 meses. 

“O isolamento social intensificou o público em busca de imóveis nos meios digitais. Outro fator é que com as pessoas em casa, a procura por casas em condomínios com áreas de lazer e espaços mais amplos também aumentou” explica o especialista em aquisição de imóveis Rafael Scodelario, CEO do Grupo Escodelar. 

Setores como reforma, construção e decoração também vêm sendo beneficiados por essa demanda. Rafael Scodelario pontua que em São Paulo, fatores fiscais colaboram com a situação propícia para transações imobiliárias: “a Prefeitura de São Paulo sancionou uma lei que propõe incentivos fiscais para retrofit de prédios antigos da região central. A medida vai modernizar a região e atrair mais o público”, afirma o especialista em imóveis. 
Outro fator relevante é que uma pesquisa divulgada pela Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas (Fipe) em 2021, anunciou que a previsão de crescimento do mercado de imóveis em para 2021 é de 30%. Os valores correspondem a um crescimento de 113% em comparação com o mesmo período de 2020.

Rafael Scodelario tem 32 anos, é corretor de imóveis desde 2010 e empresário no ramo imobiliário desde 2013. 

O post Mercado imobiliário estima grande aumento em vendas apareceu primeiro em Jornal Contábil – Contabilidade, MEI , crédito, INSS, Receita Federal.