Flash Sale! to get a free eCookbook with our top 25 recipes.

Luiza Trajano é vítima de golpe do perfil no WhatsApp; veja como se proteger


Luiza Trajano, fundadora do Magazine Luíza e detentora de uma fortuna de mais de R$ 6 bilhões, divulgou nesta terça-feira (12) que se tornou mais uma vítima do golpe do falso perfil do WhatsApp — fraude em que criminosos utilizam a foto de uma pessoa e, a partir de dados muitas vezes vazados, entram em contato com conhecidos dela para pedir dinheiro.

O golpe do falso perfil normalmente ocorre com o fraudador afirmando que teve de trocar de número por algum motivo, como celular quebrado, e pede para os contatos adicionarem o novo telefone em suas agendas. Depois que o alvo faz isso, os criminosos começam a pedir dinheiro emprestado, alegando que ele será utilizado para pagar contas ou mesmo colocar créditos em seu smartphone.

Quer ficar por dentro das melhores notícias de tecnologia do dia? Acesse e se inscreva no nosso novo canal no youtube, o Canaltech News. Todos os dias um resumo das principais notícias do mundo tech para você!

O golpe vem se tornando cada vez mais comum, mas essa é a primeira vez (ou pelo menos a primeira que se tem ciência) que alguém na lista de bilionários do mundo é escolhida como uma identidade utilizada na fraude.

Como evitar o golpe do falso perfil no WhatsApp?

O golpe do perfil falso do WhatsApp, em que criminosos se passam por pessoas conhecidas das vítimas para tentar obter valores monetários, é uma das fraudes que mais vem ganhando força em aplicativos mensageiros em geral.

Em geral, esses golpes são feitos a partir de informações vazadas, coletadas pelos criminosos e usados para identificar possíveis conexões de uma vítima em potencial. Em alguns casos, golpistas podem até comprar os dados em ambientes como a dark web e a deep web.

Para prevenir possíveis golpes desse tipo no WhatsApp, recomendamos que os usuários sigam as dicas a seguir:

  • Atenção aos detalhes: sempre que um contato em sua lista muda de número de telefone, o WhatsApp avisa que isso aconteceu. Caso algum conhecido inicie uma conversa e peça alguma espécie de transferência ou valor em dinheiro, procure por esse aviso e desconfie se ele não aparecer;
  • Ligue e faça chamadas por vídeo: por mais convincente que a história contada seja e por mais próxima que a pessoa pedindo dinheiro possa ser, sempre verifique se é ela mesma que está falando. Caso o contate se recuse a fazer ligações telefônicas ou chamadas por vídeo, não prossiga com a transferência — é melhor ter um familiar ou amigo chateado do que ajudar na ação de criminosos;
  • Preste atenção a possíveis erros ortográficos: cada pessoa possui um jeito único de falar, e criminosos nem sempre se preocupam em reproduzi-lo. Caso as mensagens recebidas de um número desconhecido tenham muitos erros, sejam muito insistentes ou pareçam seguir um molde, são grandes as chances de se tratarem de um golpe.
  • Denuncie: caso você reconheça uma conta falsa no WhatsApp, a denuncie como spam. Para isso, vá até às configurações do contato, selecione “Denunciar contato” e escolha entre “Denunciar e bloquear” ou somente “Denunciar”

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.





Veja mais