Flash Sale! to get a free eCookbook with our top 25 recipes.

Jam.gg, plataforma gratuita dá acesso a mais de 100 jogos retrô


A plataforma social e online de jogos clássicos, Jam.gg, estreou oficialmente no Brasil e no resto do mundo. Anteriormente em fase de testes e conhecida como Piepacker, a plataforma é gratuita e permite que jogadores se juntem para partidas online em um catálogo de mais de 100 títulos com Overcooked, Metal Slug, Earthworm Jim 2, Top Racer, The King of Fighters ‘98 e Windjammers.

Sem a necessidade de um console, uma conexão rápida de internet ou pagar por uma assinatura, qualquer pessoa pode acessar rapidamente um vasto catálogo de jogos em streaming. A Jam.gg pode ser acessada no PC ou no celular, mas está disponível apenas no navegador Chrome. Basta entrar no site oficial e efetuar o cadastro.

Projetada como um playground aberto para comunidades, criadores e desenvolvedores, a Jam.gg será constantemente atualizada, com o acervo indo muito além dos clássicos, incluindo títulos autorais e exclusivos, como Arsène Bomber, e jogos mais recentes, dentre eles Moving Out, No Heroes Here e Blazing Chrome, que chegarão ao serviço ainda em 2022.

500 mil pessoas já experimentaram

Durante o período de testes, a Jam.gg atraiu 500 mil usuários brasileiros para a plataforma. Ao todo, já são mais de dois milhões de jogadores globalmente e cerca de 35% são mulheres.

O lançamento oficial da Jam.gg traz recursos como suporte para até oito jogadores na mesma sala, salas públicas e privadas, além de moderação de texto controlada por IA, para garantir que a Jam.gg seja um local acolhedor. Para quem utiliza controles, a Jam.gg é compatível com quase todos os modelos comuns no PC e a integração para streams na Twitch será disponibilizada após o lançamento.

“Nós estamos empolgados com o lançamento oficial da Jam.gg em todo o mundo, em especial, no Brasil, que é o país com mais usuários e estamos orgulhosos de nossa comunidade local”, celebra Benjamin Devienne, co-fundador e CEO da Jam.gg, em comunicado oficial. “Ao longo de um ano e meio, o feedback que recebemos do público foi muito importante para corrigirmos bugs e otimizarmos nossa plataforma, tornando a experiência a mais agradável possível.”

Fundadores da Jam.gg, Benjamin Devienne e Jules Testard (Imagem: Divulgação/jam.gg)

O catálogo de jogos disponível na Jam.gg é totalmente licenciado através de acordos feitos com, até então, 26 publishers, como Atari, Team17, SNK e também com parcerias diretas com alguns estúdios independentes. Para rodar em navegadores, todos os títulos são executados em emuladores de código aberto e licenciados pela GPL.

Além disso, uma das atrações premium da plataforma é o Bring Your Own Game (BYOG – Traga seu próprio jogo, em português). Esse recurso permite que os jogadores utilizem suas próprias ROMS (do Game Boy ao Nintendo 64/PS1) em um servidor privado, e apenas o host pode liberar o acesso de outros jogadores, controlando a saída de vídeo e áudio.

O lançamento oficial da Jam.gg também marca a primeira interação com a experiência mobile. Ao acessar a plataforma beta através do celular, é possível utilizar um touchpad virtual, que funciona com todos os jogos do serviço, inclusive com aqueles do BYOG. No celular, recomenda-se o uso de conexões wi-fi.



Veja mais