G20: um estranho celular Motorola na linha Moto G | Anlise / Review

O Moto G30 era o celular mais barato da Motorola com tela de 90 Hz, mas não satisfeita com a sua já saturada linha de celulares, a fabricante trouxe ao Brasil em maio o seu novo básico com tela de alta velocidade: o Moto G20. Os dois estão muito próximos em preço, o que pode tornar a escolha complicada. Será que o G20 faz sentido ou é mais um lançamento desnecessário? Vamos conferir.

O Moto G20 é muito parecido com o G30; eles possuem o mesmo corpo de plástico com medidas e peso idênticos. A tela de 6,5 polegadas tem resolução HD+ e painel IPS LCD; e assim como no Moto G10 e G30, o brilho é baixo. O grande destaque mesmo fica para a taxa de atualização de 90 Hz, o que garante animações mais fluidas do que no Moto G10 que está limitado a 60 Hz. A parte sonora também não empolga. Há apenas uma saída de som, o que limita a áudio mono.

Talvez o ponto mais polêmico no Moto G20 esteja na plataforma adotada. Enquanto a Motorola possui vários celulares com hardware da Qualcomm ou MediaTek, o G20 vem equipado com o Unisoc T700. Porém, ele não foi tão ruim em nosso teste de velocidade e conseguiu rodar todos os jogos na qualidade gráfica mais baixa.

O Moto G20 vem equipado com bateria de 5.000 mAh, que a Motorola alega durar muito. Realmente podemos confirmar que o aparelho entrega ótima autonomia e rende mais de um dia longe de tomadas. O G20 vem acompanhado de carregador de 10W, o mesmo que acompanha o Moto G10, e por mais que os dois possuam o mesmo tamanho de bateria, o G20 acabou levando 5 horas para recarregar.

Câmera não é o forte do Moto G20 e parte da culpa está no chip Unisoc. As fotos possuem um alcance dinâmico muito limitado sendo obrigatório o uso do HDR para evitar fundo estourado com céu todo branco. As cores são neutras e o contraste é decente, mas o nível de detalhes é baixo para um sensor de alta resolução. As selfies de dia até se salvam, mas as noturnas perdem detalhes, as cores saem distorcidas e o modo retrato só piora tudo.

Vale a pena comprar o Moto G20? Achamos que não, ainda mais com o Moto G30 e o Galaxy A32 na mesma faixa de preço. Para mais detalhes, só conferir a análise completa pelo link abaixo.

Continuar lendo >>