enem-2022-pode-nao-acontecer-por-falta-de-questoes

Enem 2022 pode não acontecer por falta de questões

Foto: Marcello Casal Jr / Agência Brasil

Servidores do Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira, mas conhecida apenas como “Inep“ vieram a público alertar que o Banco Nacional de Itens (BNI), banco este que reúne questões testadas e aprovadas para serem aplicadas nas provas do Exame Nacional do Ensino Médio (ENEM) está acabando.

Conforme divulgado por dois servidores ao portal O Globo, servidores estes que participaram da elaboração das provas, sem o banco de dados atualizados, não haverá questões suficientes para a realização do exame no ano que vem.

O banco de dados com questões testadas e aprovadas para aplicação e formatação do Enem não recebe novos itens desde o final da gestão do governo Temer. A falta de novas questões acaba trazendo a tona o motivo pelo qual houve somente uma questão citando a pandemia da Covid-19.

Alta rotatividade

Na gestão do atual governo de Jair Bolsonaro, o Inep já teve quatro presidentes. Posto este que é de extrema importância para os avanços do Inep quanto a educação.

Além disso, outro posto que é extremamente importante para o Inep, sendo da diretoria de Avaliação da Educação Básica, ligada diretamente pela elaboração do Enem acabou sofrendo com alta rotatividade na gestão de Bolsonaro e já teve seis diretores neste período.

No ano passado o governo divulgou o primeiro edital para a escolhe de professores que seriam responsáveis por montar novas questões para o BNI. Esses profissionais foram chamados há cerca de dois meses para o curso de capacitação, já concluído.

Porém, conforme informado pelos servidores do Inep, ainda não há uma confirmação, ou esclarecimento se o processo de capacitação está garantido com segurança, tendo em vista o prazo apertado que temos no momento.

O post Enem 2022 pode não acontecer por falta de questões apareceu primeiro em Jornal Contábil – Contabilidade, MEI , crédito, INSS, Receita Federal.