cuidados-para-nao-cair-em-falso-app-do-auxilio-brasil

Cuidados para não cair em falso app do Auxílio Brasil

Imagem por @creativeart / freepik

O Auxílio Brasil começou a ser pago neste mês de novembro e golpistas já estão se aproveitando para lançar aplicativos falsos na internet. Os aplicativos são utilizados como iscas para roubar dados de usuários ou oferecer propaganda e spam. Existem ao menos oito ferramentas digitais não oficiais disponíveis.

Alguns deles prometem consulta aos valores do benefício e calendários de pagamento atualizados. Para chamar a atenção dos usuários e incentivar que continuem no aplicativo, os programas disparam notificações para o celular. Alguns pedem informações do trabalhador como o Número de Identificação Social (NIS), CPF, número de carteira de trabalho e número do telefone, entre outras informações.

Assim como ocorreu com o auxílio emergencial, quando as vítimas acessam os aplicativos falsos do Auxílio Brasil, os hackers podem ter acesso aos seus dados pessoais e, em alguns casos, até financeiros.

Como identificar o real aplicativo do Auxílio Brasil?

Para ajudar a identificar qual é o verdadeiro dos falsos aplicativos, fique sabendo que quem já recebe o Bolsa Família não precisa baixar um novo aplicativo, uma vez que  a transição é automática. É preciso somente atualizar o sistema já utilizado. 

De acordo com a Caixa, o aplicativo será atualizado para os usuários do Bolsa Família gradativamente, a fim de evitar congestionamento no sistema. Ainda segundo o banco, quem ainda não tiver migrado de aplicativo vai receber o benefício normalmente.

Caso o usuário não consiga baixar o sistema agora, ele deve aguardar e fazer uma nova tentativa algumas horas depois, devido ao grande número de acessos. A seguir, algumas dicas valiosas para não cair em golpes cibernéticos:

  • Quando for baixar o aplicativo, verifique qual é o nome do desenvolvedor (o do Auxílio Brasil é a própria Caixa Econômica Federal);
  • O nome correto Auxílio Brasil CAIXA, com um fundo azul e a palavra Brasil com as cores verde e amarela;
  • Não insira dados pessoais e financeiros em sites e aplicativos não oficiais;
  • Não clique em links recebidos por e-mails, SMS ou mensagens de WhatsApp. Mesmo quando receber mensagens de amigos ou familiares, evite acessar o link

O post Cuidados para não cair em falso app do Auxílio Brasil apareceu primeiro em Jornal Contábil – Contabilidade, MEI , crédito, INSS, Receita Federal.