criancas-representam-quase-96%-dos-internados-em-surto-de-gripe-no-rio-de-janeiro

Crianças representam quase 96% dos internados em surto de gripe no Rio de Janeiro

A cidade do Rio de Janeiro vem enfrentando um surto de influenza, popularmente conhecida como gripe. Nos últimos sete dias, a Secretaria Municipal de Saúde do Rio de Janeiro registrou 6,3 mil casos e constatou que as crianças são as maiores vítimas da doença. Os números atualizados registram 24 pacientes internados na cidade pela doença, sendo que 23 são crianças entre 0 a 12 anos e um idoso. Esse percentual equivale a 95,8% dos internados pela gripe.

A Secretaria Municipal de Saúde (SMS) reforça que crianças e idosos devem procurar a vacina contra a gripe imediatamente. A campanha de vacinação contra a influenza não tem restrição, mas a prioridade atualmente são crianças acima de 6 meses e idosos acima de 60 anos. Ela é importante para diminuir as chances de se desenvolver quadros respiratórios graves e de acordo com estudos, a vacina da gripe, apesar de não substituir, pode reduzir sintomas e contágio pela Covid-19.

Devido algumas semelhanças nos sintomas, a gripe pode ser confundida com a Covid-19. Caso você apresente sintomas, procure o posto de saúde mais próximo. A secretaria de saúde afirma que o teste aplicado atualmente nas unidades de atendimento é o de antígeno, com confiabilidade de 93%. Daniel Soranz, secretário municipal de saúde do Rio de Janeiro, explica que também é utilizado o teste RT-PCR naqueles que apresentaram resultado negativo no teste de antígeno para descartar completamente a suspeita de Covid-19.

Clique aqui para ler mais