Flash Sale! to get a free eCookbook with our top 25 recipes.

Como identificar um carregador falso


Muitos carregadores que estão circulando por aí são falsificados. Esses carregadores não passaram pelo mesmo rigoroso processo de controle de qualidade que as fontes da Apple passam e danificam o seu iPhone.

E por este motivo, neste artigo vou te mostrar os principais pontos que você deve prestar atenção na hora de comprar um carregador modelo Apple pra garantir que não está comprando gato por lebre.

Carregador Original Apple

Por que usar carregador confiável?

Este é um ponto de atenção e muitas pessoas acham que qualquer carregador que não seja da Apple é um carregador falso ou não original. Não se engane, você pode usar um carregador no seu iPhone que não seja o original da Apple, como um Samsung, LG, Motorola, Xiaomi, Baseus, Anker e outras inúmeras marcas conhecidas, entretanto, uma fonte que tenta se passar por uma original da Apple não deve ser usada.

Quais os riscos?

Quando você usa um carregador Apple falsificado você está colocando a sua segurança e a do seu iPhone em risco. Existe um risco alto de explosões e incêndios, uma vez que este aparelho não foi certificado pelos órgãos competentes, além de aumentar consideravelmente as chances de choques elétricos, aquecimentos e zumbidos que estes dispositivos emitem.

O que um carregador original tem que o falso não tem?

Numero de série verdadeiro

Carregadores originais possuem um número de série verdadeiro. Está em dúvida se o seu carregador é realmente original? Verifique o número de série que está impresso no carregador e na caixa. Se forem iguais o carregador é original.

O modelo brasileiro tem selo Anatel

Um carregador original brasileiro da Apple possui um selo Anatel. Os modelos originais possuem o adesivo da Anatel colado sobre um adesivo plástico, que por sua vez está colado no corpo do aparelho. Se o selo da Anatel estiver colado diretamente no carregador, atenção, é falso.

Carregador brasileiro original da Apple possui um plástico adesivo entre o corpo do aparelho e o selo da Anatel.

O meu não tem selo Anatel, é falso?

Ter o selo Anatel não significa o carregador é original ou não. As versões vendidas nos Estados Unidos ou Europa não possuem o selo da Anatel, por exemplo. Neste caso deve observar a dica dada no primeiro tópico, em relação ao número de série da caixa e do aparelho carregador serem iguais.

Mais dicas

Existes outras coisas que devem ser reparadas na tentativa de diferenciar um carregador falso de um original.

Para facilitar a sua descoberta eu preparei um vídeo explicativo que vai te mostrar 3 dicas exclusivas, além das que foram repassadas aqui no blog. Veja o vídeo abaixo e confira.






Veja mais