Flash Sale! to get a free eCookbook with our top 25 recipes.

Como funciona e quanto custa o Telegram Premium?


O WhatsApp é o mensageiro mais popular no Brasil, tendo como seu concorrente direto o Telegram. Muito já se falou — em forma de meme, ou não — sobre um “WhatsApp 2”, mas enquanto essa realidade não acontece, a do mensageiro ao lado está confirmada: em breve será disponibilizado o Telegram Premium. O plano oferecerá alguns recursos adicionais, mantendo-se tudo o que o aplicativo atual já oferece.

Informações sobre o Telegram Premium

Pavel Durov, o criador do Telegram, publicou uma nota no seu canal oficial da própria plataforma que o Telegram terá um plano premium pelo qual seus usuários poderão assinar por um valor — que ainda não foi especificado, assim como data exata de lançamento. Durov afirma que a decisão não afetará de qualquer maneira os usuários não pagantes e que deve chegar ainda neste mês de junho.

Mensagem de Pavel Durov anunciando o Telegram Premium. (Imagem: Glauco Vital / Showmetech)

Não foram disponibilizadas muitas informações sobre o novo plano premium do Telegram, mas até o que foi compartilhado diz que haverá transferências — provavelmente de arquivos, como imagens, documentos, vídeos etc — mais rápidas, adesivos maiores e reações adicionais que já estarão fixadas para que possam reagir da mesma maneira.

Como funciona e quanto custa o telegram premium?
Reprodução: PCMag

Percebemos que a única maneira de permitir que nossos fãs mais exigentes obtenham mais, mantendo nossos recursos existentes gratuitos, é tornar esses limites aumentados uma opção paga. É por isso que este mês apresentaremos o Telegram Premium, um plano de assinatura que permite que qualquer pessoa adquira recursos, velocidade e recursos adicionais.

Pavel Durov, o criador do Telegram, em nota enviada no seu canal oficial da plataforma

Estratégia monetária

Como funciona e quanto custa o telegram premium?
Reprodução: Nerds Chalk

Possivelmente a novidade não vem — somente — como afirmado por Durov, sugerindo que a alta solicitação dos usuários por estes recursos, mas também pelo valor alto em que as dívidas do Telegram estão. A princípio a plataforma inseriu propagandas para tentar arrecadar dinheiro em função das dívidas, mas aparentemente ainda não foi o suficiente, uma vez que em março do ano passado o montante já chegava na margem dos US$ 700 milhões, de acordo com o Wall Street Journal.

Veja também

Você sabia que o TSE pode suspender Telegram por Fake News nas eleições? Confira agora!

Fonte: PCMag.





Veja mais