black-friday:-confira-ferramentas-que-verificam-fraudes-e-encontram-ofertas

Black Friday: Confira ferramentas que verificam fraudes e encontram ofertas

Pesquisa do Instituto Reclame Aqui, que ouviu 23 mil pessoas, aponta que quase metade dos consumidores brasileiros (49%) define a Black Friday no país como “Black Fraude”. Por isso, achar boas ofertas passa por planejamento.

  • Veja dicas e prepare-se para aproveitar melhor as compras na Black Friday
  • Levantamento do JáCotei mostra comportamento de preços antes da Black Friday

Antes de comprar, o primeiro passo é fazer uma lista de produtos e comparar os preços de antes da promoção com aqueles supostamente com desconto. Assim, fica mais fácil definir quanto se quer pagar pelos itens no dia e, se for o caso, comprá-los rapidamente, antes que se esgotem.

É comum que sites comparadores de preços apresentem o histórico de preços dos produtos. Com isso, é possível saber se a loja aumentou os preços nos dias anteriores à Black Friday. As ferramentas acompanham a oscilação em tempo real, comparam com os preços e identificam as promoções.


Participe do GRUPO CANALTECH OFERTAS no Telegram e garanta sempre o menor preço em suas compras de produtos de tecnologia.

Algumas plataformas criam páginas especiais e, no dia da Black Friday, filtram as liquidações e enviam alertas de preços aos interessados. Uma boa ideia é guardar as imagens das etapas de compra, que podem ser necessárias se houver algum erro no processo, como preço mais alto ou não recebimento do produto.

(Imagem: Reprodução/Envato/monkeybusiness)

Alguns sites que podem ajudar a evitar falsas promoções na Black Friday. Acompanhe a seguir!

Black Friday de Verdade

Tem uma extensão para navegador de internet que ajuda o consumidor a saber se há lojas com preço melhor para o produto que ele está pesquisando. Além disso, informa o histórico de preço do produto. Além disso, a extensão busca e aplica cupons de desconto automaticamente.

Buscapé e Zoom

Buscapé e Zoom têm ferramenta de histórico de preços, que mostra a variação nos últimos 6 meses. Os sites também oferecem alerta de preço: é possível escolher quanto se está disposto a pagar e, quando o preço for atingido, ser informado por e-mail. E mais: em algumas lojas, os comparadores oferecem cashback de até 25%.

Mais Barato Proteste

O plugin da associação de consumidores Proteste avisa onde encontrar o menor preço enquanto se buscam produtos em lojas virtuais. O recurso testa cupons de desconto automaticamente e adiciona o que oferecer o maior percentual. A vantagem do plugin é que ele não acessa dados pessoais.

RA+

Lançada neste mês, a extensão para navegador do ReclameAqui indica se as lojas são confiáveis enquanto o consumidor navega e possibilita acesso a cupons de descontos comprovados. Com a ferramenta, é mais fácil evitar golpes — como os dos sites falsos que oferecem descontos “imperdíveis” para obter dados pessoais.

E lembre-se: antes de concluir a compra, confira os prazos de entrega e o custo do frete. Ele pode ser igual ou maior que o desconto oferecido.

Leia a matéria no Canaltech.

Trending no Canaltech:

  • Garimpeiro procurava ouro mas acabou encontrando um meteorito ainda mais valioso
  • Veja os benefícios que todo MEI tem direito e pouca gente sabe
  • O Galaxy S21 vai valer a pena na Black Friday?
  • Samsung anuncia Galaxy A03 com grande bateria, câmera de 48 MP e mais
  • Linha Oppo Reno 7 é oficial com três modelos e cara de iPhone