“black-fraude”:-perigos-das-compras-online-e-dicas-evitar-as-fraudes

“Black Fraude”: Perigos das compras online e dicas evitar as fraudes

A aproximação da Black Friday trouxe um acréscimo na criação de sites fraudulentos. Um levantamento da Check Point Software Technologies apontou um aumento de 178% na detecção de sites fraudulentos com foco na temporada de descontos, com 5,3 mil páginas falsas sendo detectadas, em média, a cada semana.

Com a chegada do final do ano e da temporada de descontos e compras, o número de tentativas de fraude quase triplicou, atingindo seu pico no ano de 2021. Para Sérvulo Mendonça, contador e especialista em Compliance, os descontos, produtos, consumidores consumindo e a relação triangular faz do evento “black friday” um fenômeno de vendas, de fraudes e de enganações.

“Obviamente não generalizamos aqui as marcas sérias que fazem ações corretas e que respeitam a ética comercial e empresarial da qual esse triângulo se alicerça, porém há sim muita enganação e muito desrespeito a tudo e a todos”, afirma o especialista.

Os golpes virtuais que se multiplicaram nesta pandemia com o aumento da adesão dos brasileiros ao e-commerce se intensificam com a proximidade da super oferta. A Axur detectou alta, do segundo para o terceiro trimestre deste ano, de 81,8% na fraude conhecida como phishing, que usa de engenharia social para atrair o consumidor e capturar seus dados. Os perfis falsos nas redes sociais, por sua vez, cresceram 23,41%. E em julho foi identificado um recorde de páginas falsas, mais de três mil, a maioria relacionadas a e-commerce.

“Em uma visão simplista, esteja atento aos riscos e atue com mais Compliance, onde o pilar de risco se acentua como determinante”, comentou Sérvulo.

O contador deu dicas fundamentais para quem está pensando em fazer compras online:

Compre o que precisa,
pesquise o valor anterior,
conheça a marca,
se possível compre na loja física,
revise seus critérios e a legitimidade das páginas da internet
Na dúvida não conclua, é fato que seu instinto sempre dará as dicas de que aquela operação parece ser uma fraude, seja forte e não ceda, há enormes chances de você estar certo.

“E lembre-se: Não tem mágica, tem acordos comerciais feitos com margens menores de lucratividade, jamais margens negativas, e se assim estiver, desconfie”, completou.

O post “Black Fraude”: Perigos das compras online e dicas evitar as fraudes apareceu primeiro em Jornal Contábil – Contabilidade, MEI , crédito, INSS, Receita Federal.