bitcoin-(btc)-cai-e-perde-suporte-de-us$-56-mil

Bitcoin (BTC) cai e perde suporte de US$ 56 mil

Depois de iniciar movimento de alta na quinta-feira (25), o Bitcoin (BTC) caiu consideravelmente no dia seguinte e está de volta a suas mínimas semanais.

Desde 19 de novembro, o Bitcoin tem pairado acima do suporte de US$ 56.500. Esta é uma área de suporte horizontal e o nível de retração de 0,382 de Fibonacci. Na quinta-feira, os indicadores técnicos começaram a mostrar alguns sinais de alta.

  • O que achou dessa notícia? Venha conversar sobre ela no grupo do BeInCrypto no Telegram!

Após 15 barras de momentum inferiores sucessivas, o MACD finalmente criou uma superior (ícone verde). Este era um sinal de que a tendência de curto prazo está gradualmente ganhando força.

Além disso, o RSI gerou uma divergência de alta (linha verde). Esta é uma ocorrência em que uma queda de preço não é acompanhada pelo mesmo aumento na força vendedora do mercado.

No entanto, o BTC inverteu sua tendência nesta sexta-feira (26) e está em processo de criação de um candle engolfo de baixa (ícone vermelho). Este é um tipo de candle em que todo o movimento de alta do dia anterior é negado no dia seguinte.

Ainda faltam mais de 15 horas para o fechamento do candle diário, mas o seu início parece extremamente baixista. Se um rompimento ocorrer, a próxima área de suporte seria encontrada em US$ 53.250.

Gráfico do BTC no TradingView

Movimentação de curto prazo do Bitcoin

O gráfico de seis horas mostra que o Bitcoin tem seguido uma linha de tendência de baixa desde 19 de novembro, sinal que mostra que a criptomoeda está em correção.

Além disso, o BTC criou um topo mais baixo em relação ao preço do último sábado (20). Isso é considerado um sinal de baixa, uma vez que o ativo não teve força suficiente para atingir suas máximas anteriores.

Gráfico do BTC no TradingView

O gráfico de duas horas mostra que o BTC está sendo negociado dentro de um triângulo simétrico e está muito perto de sua linha de suporte, que coincide com a área de suporte horizontal de US$ 56.500. Portanto, um rompimento dessa linha aceleraria  a queda.

Gráfico do BTC no TradingView

Contagem de ondas

A contagem de ondas sugere que o Bitcoin está na onda C (vermelho) de uma estrutura corretiva A-B-C. Isso significa que, após a conclusão da correção, espera-se que o movimento de alta seja retomado.

A contagem de sub-ondas é mostrada em rosa. Ela indica que o BTC está na onda cinco da correção, que é a fase final.

Há uma confluência considerável de níveis de Fibonacci entre US$ 53.250 – US$ 53.800, criada por:

  • Comprimento da sub-onda um (rosa)
  • Retração externa da sub-onda quatro (branco)
  • Comprimento da onda A (vermelho)

Esses níveis também coincidem com o suporte de longo prazo descrito na primeira seção. Portanto, espera-se que o Bitcoin alcance uma mínima nesta área antes de reverter sua tendência.

Gráfico do BTC no TradingView

O artigo Bitcoin (BTC) cai e perde suporte de US$ 56 mil foi visto pela primeira vez em BeInCrypto.