Flash Sale! to get a free eCookbook with our top 25 recipes.

Ataque hacker na Fast Shop fecha lojas físicas até 26/06


O e-commerce da Fast Shop, desde as 23h da última quarta-feira (22), encontra-se fora do ar. Segundo postagens realizadas no perfil oficial da loja no Twitter, a indisponibilidade da página é resultante de um ataque cibernético, mais especificamente o ransomware — o famoso sequestro virtual. 

A lentidão do sistema do site e do app da Fast Shop foi identificada inicialmente por volta do meio-dia da quarta-feira, com usuários reclamando no Twitter sobre a situação — e o perfil oficial da loja respondendo que a página estava passando por problemas. As 23h, a mesma conta anunciou que todas as lojas físicas da franquia estarão fechadas até o dia 26/06, e todos os pedidos realizados online foram adiados para 27/06.

Pouco mais de uma hora depois, na meia-noite dessa quinta-feira (23), o perfil da loja foi invadido pelos criminosos responsáveis pelo ataque hacker, explicando que eles obtiveram acesso aos serviços de armazenamento na nuvem da Fast Shop e estavam cobrando resgate para o retorno deles. Eles também postaram um link para um Telegram em que representantes da franquia podem entrar para tentar negociar o retorno.

Até o fechamento dessa matéria, mais detalhes sobre o ataque ainda não haviam sido divulgados. 

Ransomware é principal tipo de ataque hacker para empresas como a Fast Shop

Ransomware vem sendo um perigo cada vez mais comum no mundo virtual. (Imagem: Reprodução/ USCC)

O ransomware é um ataque cibernético que cada vez mais vem se tornando mais comum no mundo, principalmente após as mudanças trazidas pela pandemia da Covid-19 e a adoção de esquemas de trabalho híbrido, em que muitas vezes sistemas de funcionários são acessados através de redes domésticas e menos seguras que as corporativas.

Em geral, a recomendação para proteção contra o ransomware é que empresas adotem programas de conscientização de funcionários sobre perigos virtuais, além de sempre utilizarem softwares e soluções de segurança modernos e eficazes. Por fim, práticas básicas, como não acessar link suspeitos e nem compartilhar informações sensíveis publicamente também podem auxiliar em menos riscos de cibersegurança.

Veja também

O ransomware vem sendo uma ameaça crítica no mundo virtual, contabilizando 79% dos ataques hackers totais.

 





Veja mais