Flash Sale! to get a free eCookbook with our top 25 recipes.

87% dos jovens nos Estados Unidos possuem iPhone, mostra pesquisa


Novas pesquisas divulgadas pela agência Piper Sandler revelam que a Apple ainda possui índices de popularidade bastante altos entre os jovens nos Estados Unidos. Com isso, a marca domina a preferência entre produtos como smartphones, fones de ouvido e outros acessórios.

iPhones ganharam ainda mais popularidade entre jovens nos últimos anos (Imagem: Piper Sandler)

O questionário foi aplicado para 7.100 jovens em 44 estados dos EUA, durante a primavera de 2022 no hemisfério norte (ou outono no Brasil). Como esperado, a Apple mostra sua maior força entre os jovens no mercado de celulares, já que 87% dos entrevistados afirmaram ter um iPhone — porcentagem bastante semelhante à registrada no período anterior, quando os smartphones da Apple estavam nas mãos de 86% dos entrevistados.

Além disso, os jovens parecem estar mais dispostos a obter os celulares mais atualizados. Segundo o relatório, 18% das respostas apontaram o iPhone 13 como dispositivo principal, um aumento considerável em relação aos 12% da pesquisa passada que tinha o iPhone 12 como modelo mais recente.

Quer ficar por dentro das melhores notícias de tecnologia do dia? Acesse e se inscreva no nosso novo canal no youtube, o Canaltech News. Todos os dias um resumo das principais notícias do mundo tech para você!

Os resultados da pesquisa mostram que os clientes da Apple são bastante fieis, já que a proporção de jovens que pretendem trocar seu smartphone por um iPhone no futuro chegou a 87% — este valor agrega aqueles que possuem ou não um celular da Maçã atualmente.

AirPods e Apple Watch também fazem sucesso

Relatório aponta que 72% dos jovens possuem AirPods (Imagem: Mahdi Gharib/Unsplash)

Os AirPods aparecem na sequência da lista de produtos da Apple mais populares entre os jovens. A pesquisa indicou que 72% dos entrevistados costumam utilizar os fones de ouvido, mas o relatório não deu mais detalhes em relação às proporções atingidas por cada modelo disponibilidado pela Maçã.

Mesmo que com uma proporção ainda mais baixa, o Apple Watch também consolidou seu espaço com 37% de presença entre os entrevistados: um aumento de três pontos percentuais em relação a questionários anteriores. Ademais, a marca ainda foi a mais apontada como favorita entre os jovens (42%), superando empresas tradicionais como a Rolex (33%), Garmin e Fossil (2% cada).

Porém, a quantidade de relógios vendidos pela Apple pode não crescer tanto ao longo dos próximos anos, pelo menos segundo os resultados do relatório. Apenas 14% das respostas apontaram o Apple Watch como uma opção provável de compra em um futuro próximo.

Em relação aos serviços oferecidos pela empresa, o Apple Pay aparece como um dos mais populares entre os jovens: 23% afirmaram que fazem seus pagamentos por meio da plataforma — proporção superior a concorrentes como o PayPal e Venmo.

Entretanto, a Retransmissão Privada do iCloud ainda encontra uma barreira entre os jovens americanos, já que 45% das respostas negaram a intenção de uso do recurso nos próximos seis meses. Mesmo assim, 41% dos entrevistados apontaram que usam ou já usaram o serviço.

Fonte: MacMagazine



Veja mais