Flash Sale! to get a free eCookbook with our top 25 recipes.

7 erros em vendas para evitar em seu negócio


Será que o seu negócio comete algum destes erros em vendas? Esses problemas podem impactar muito nos seus resultados e também no faturamento da empresa.

Pensando nisso, no post de hoje, trouxemos os 7 principais erros em vendas para evitar no seu negócio e quais os benefícios de corrigi-los. Vem ler!

Por que otimizar o processo de vendas?

Otimizar o processo de vendas tem um papel importante no crescimento do negócio. E não apenas para aumentar os lucros, o que acaba sendo uma consequência natural dessa estratégia, mas também para fortalecer o relacionamento com o seu cliente.

Isso contribui para a fidelização de consumidores, para o processo de recomendação e para melhorar a imagem do seu negócio no mercado.

Além disso, um processo estruturado de vendas ajuda a ampliar a sua cartela de clientes e trazer mais rentabilidade para o seu negócio, contribuindo para o crescimento sustentável da empresa.

Mas o que será que prejudica o seu processo de vendas e impede o seu negócio de alcançar os resultados que deseja? Há diversos motivos para isso, mas alguns erros são recorrentes e têm um impacto negativo maior na performance da empresa.

Então, confira agora quais erros você não pode mais cometer se quiser usufruir de todos os benefícios de ter um processo de vendas bem-estruturado!

7 erros em vendas para evitar no seu negócio

Veja nossa lista com erros em vendas para evitar agora! Será que você está cometendo algum deles?

1. Não acreditar no produto

Se você e o seu time de vendas não acreditarem no produto que estão vendendo, como esperar que o cliente enxergue valor nos seus produtos?

Por isso, é importante só vender aquilo em cuja transformação você acredita. Se isso não acontece, reveja o que você vende e procure produtos nos quais você confia.

Além disso, acreditar no seu produto é importante para criar uma comunicação persuasiva entre o seu negócio e o seu cliente. Os consumidores podem perceber que a sua estratégia de vendas não corresponde ao que está sendo vendido, e isso compromete a sua credibilidade.

2. Não conhecer o problema do cliente

No processo de vendas, não conhecer o problema do cliente é perigoso porque, com isso, você não consegue entender exatamente o que precisa ser resolvido.

Nesse sentido, é importante conhecer bem o seu público. Isso deve estar claro para os seus funcionários também, já que é determinante para a comunicação que será estabelecida com os seus clientes a partir das dores que eles tiverem.

Conhecer o problema do cliente é uma etapa fundamental para oferecer as melhores soluções para ele. Então, dedique tempo para conversar com alguns consumidores e faça algumas pesquisas com outros clientes para descobrir as dores que eles têm e que podem ser resolvidas pelo seu negócio.

Uma ideia é identificar os problemas mais recorrentes e listá-los. Depois, veja quais produtos resolvem quais dores para deixar a estratégia mais clara para você e para o seu time.

3. Não agregar valor para o cliente

Se o cliente não enxerga valor naquilo que você vende, dificilmente ele pagará pelos seus produtos.

Agregar valor para o cliente aumenta, inclusive, a sua credibilidade e as chances de fidelização. Isso porque o consumidor passa a confiar no seu negócio, porque você entrega soluções que realmente fazem a diferença na vida dele.

A percepção de valor, inclusive, permite que você cobre mais pelo seu serviço ou produto. Ou seja, se aquilo que você vende resolve um grande problema do cliente, oferece uma boa experiência para ele e não é encontrado no seu concorrente, isso significa que é possível cobrar mais pelos seus produtos e serviços.

4. Pressionar demais o consumidor

Um dos grandes erros em vendas é pressionar o cliente para que ele compre do seu negócio. Essa não é uma boa estratégia, porque se o seu objetivo é que o consumidor aceite comprar por pressão, o resultado pode ser o total oposto disso.

Ele pode se incomodar com esse tipo de abordagem, deixar de comprar no seu estabelecimento, não voltar mais e ainda falar mal da sua loja para conhecidos, prejudicando a sua reputação.

Além disso, pressionar o cliente pode intimidá-lo, o que não é de nenhum modo uma atitude apropriada.

O ideal é deixar claro como os seus produtos resolvem o problema do consumidor, além de se mostrar disponível para ajudar e resolver as dúvidas dos clientes, mas dando o espaço necessário para que eles decidam por conta própria.

5. Deixar de contar com o rapport

Em vendas, o rapport é uma estratégia de relacionamento com o cliente para reduzir os atritos na comunicação e agilizar o fechamento das vendas.

Assim, não fazer o rapport pode prejudicar bastante o seu processo de vendas. Isso porque a estratégia procura estabelecer uma conexão verdadeira com o cliente, que se sente especial e acolhido nesse contexto.

Então, sem essa conexão, a venda pode ser mais difícil e o consumidor pode ser mais resistente à compra.

Mas, para que esse rapport faça parte da sua estratégia de vendas, é importante orientar o time na construção do relacionamento com o cliente. Não se trata de passar indicações engessadas para a equipe, mas de oferecer um norte para os funcionários trabalharem da melhor forma com os consumidores.

6. Não caprichar no atendimento

Assim como o rapport, o atendimento é uma forma de criar uma forte conexão com o seu cliente. Se você oferece um atendimento fraco e falho, seu consumidor pode se irritar com o seu serviço, o que impacta diretamente na credibilidade da sua marca.

Além disso, ele pode compartilhar a experiência ruim com outras pessoas, comprometendo ainda mais a reputação do seu negócio no mercado.

Um atendimento de excelência envolve tanto a simpatia e a empatia dos funcionários, como a otimização da experiência dos clientes com o seu negócio.

Assim, se você tem um e-commerce, por exemplo, é importante garantir o cumprimento dos prazos e um serviço de entrega que mantenha a qualidade dos produtos enviados. Tudo isso também faz parte do atendimento e influencia na satisfação dos clientes.

7. Não tomar cuidado no pós-venda

O pós-venda é um ótimo momento para fidelizar os clientes que compraram da sua loja. A fidelização aumenta a rentabilidade do seu negócio e reduz o custo de aquisição de clientes.

Por isso, não ter estratégias direcionadas ao pós-venda é um grande erro das empresas, inclusive, para os pequenos negócios.

Agora que você já sabe alguns erros em vendas, vamos ver a importância de corrigi-los com rapidez e eficiência? Veja a seguir!

Por que corrigir os erros de vendas?

Separamos 3 motivos para você não cometer mais erros em vendas no seu negócio e colher os benefícios de resolver os problemas.

Fidelização de clientes

Já falamos que o pós-venda está totalmente relacionado à fidelização de clientes. Assim, uma das vantagens de corrigir os erros em vendas é fidelizar os consumidores. Afinal, isso significa criar um processo focado no cliente, que olhe para as necessidades que ele tem e que busque otimizar a experiência dele com o seu negócio.

Tudo isso contribui para aumentar o valor percebido dos seus produtos e estimular as vendas. A ideia é que um processo eficiente de vendas crie um relacionamento verdadeiro com os seus clientes, e isso faz com que eles não busquem os seus concorrentes, mas escolham a sua loja.

Esse é o princípio da fidelização: oferecer o que os seus clientes precisam, entregar um serviço único para eles e entender profundamente as necessidades que eles têm.

Aumento do ticket médio

Com a fidelização de clientes e a correção dos erros que listamos acima, a tendência é que as suas vendas cresçam consideravelmente, o que faz o seu ticket médio aumentar. Isso porque há mais clientes comprando e também os mesmos consumidores comprando mais do seu negócio. Assim, você pode aumentar a sua rentabilidade e a sua lucratividade.

Isso impacta no seu planejamento orçamentário e na sua previsibilidade de vendas. Com o aumento do ticket médio, você pode fazer previsões mais ousadas para o seu negócio e crescer mais rapidamente.

Melhora no faturamento

Como falamos, corrigir os erros em vendas ajuda a aumentar o ticket médio, o que melhora o faturamento mensal do seu negócio. A melhora no volume de vendas também é um fator importante para impactar o seu faturamento.

Assim, é possível quitar suas dívidas ou até começar uma reserva de emergência com a receita que entrar. Isso é importante, por exemplo, para fazer aquela reforma que você quer no seu estabelecimento ou para momentos inesperados.

Otimizar o processo de vendas e não cometer mais os erros recorrentes em vendas trazem diversos benefícios para o seu estabelecimento a curto e longo prazo. Então, não deixe de seguir nossas dicas para alavancar o seu negócio.

O que você achou do post de hoje? Para otimizar ainda mais o faturamento do seu negócio, confira o artigo “Como alavancar as vendas em datas comemorativas” e saiba como aproveitar as datas comerciais para se destacar.



Veja mais